Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Comunicação > Notícias - InforMMA
Início do conteúdo da página
 
Segunda, 11 Setembro 2017 17:30

Ministério lança campanha É do Brasil

Iniciativa busca definir, por meio de voto popular, espécies representativas de cada bioma. Votação para o Cerrado está aberta até 10 de outubro.


WALESKA BARBOSA

Você nasceu ou mora em qual bioma? Já pensou em que animal ou vegetal mais representaria esse lugar? O Ministério do Meio Ambiente lança, nesta segunda-feira (11/09), Dia Nacional do Cerrado, a campanha É do Brasil, por meio da qual o público poderá escolher, em uma lista pré-estabelecida de espécies, as que considera mais representativas de cada um dos biomas brasileiros.

A estreia da campanha É do Brasil homenageia o segundo maior bioma brasileiro. De hoje até o dia 10 de outubro, os internautas poderão escolher, por meio de voto eletrônico, a “dupla” É do Cerrado, com uma espécie da fauna e outra da flora.

A previsão é de que até o primeiro semestre de 2018, além do Cerrado, Pantanal, Mata Atlântica, Amazônia, Pampa, Caatinga e o bioma Marinho tenham seus representantes da fauna e da flora, escolhidos por voto popular.  O objetivo é ampliar as ações de divulgação das espécies nativas.

O Cerrado ocupa quase um quarto do território nacional e registra uma das maiores biodiversidades entre os biomas do país, tanto por possuir diversos tipos de paisagens, com espécies próprias, como por fazer fronteira com quase todos os outros, o que proporciona que espécies típicas de outras regiões ocorram também na região.

Segundo o secretário de Biodiversidade e Florestas do Ministério do Meio Ambiente, José Pedro de Oliveira Costa, a campanha atende a uma solicitação do ministro Sarney Filho. “Ele nos instruiu a dar prioridade à disseminação de conhecimento científico e à conservação da biodiversidade do Cerrado. Instrução que acolhemos com o maior empenho dada a relevância ambiental desse grande ecossistema”, afirma.

PRESERVAÇÃO

José Pedro lembra que o MMA, em parceria com o Governo do Estado de Goiás, tem se empenhado em ações de preservação do bioma, como as iniciativas de ampliação do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros e a criação da Estação Ecológica de Nova Roma. “São áreas que integram o Patrimônio Mundial Natural da Unesco, o que reforça sua importância”, completa.

O Brasil tem a maior biodiversidade do planeta. Abriga cerca de 46 mil espécies de plantas e mais de 116 mil espécies animais, totalizando quase 20% das espécies conhecidas do mundo. Proteger a abundante variedade de vida, pelo valor intrínseco e pelos benefícios sociais, econômicos e ecossistêmicos prestados e que garantem a qualidade de vida da população brasileira, é um desafio que exige esforços dos governos e a participação de toda a sociedade.

OPÇÕES DE VOTO

Em consulta a especialistas, o MMA definiu uma lista de espécies candidatas e, ao final do período de votação, vencem as que receberem mais votos.

Para as escolhas referentes ao Bioma Cerrado As opções de voto são, para a fauna: Lobo-guará (Chrysocyon brachyurus); Tamanduá-bandeira (Myrmecophaga tridactyla); Pato-mergulhão (Mergus octosetaceus); Pirá-Brasília (Simpsonichthys boitonei);  Borboleta ribeirinha (Parides burchellanus); Vaga-lume (Pyrearinus termitilluminans); Papagaio-galego (Alipiopsitta xanthops); Teiú (Tupinambis quadrilineatus); Seriema (Cariama cristata) e Mamangava (Bombus morio).

Na flora, Ipê-amarelo-do-cerrado (Handroanthus ochraceus); Caliandra (Calliandra dysantha); Pequi (Caryocar brasiliense); Baru (Dipteryx alata); Chuveirinho/Sempre-viva (Paepalanthus sp.); Capim-dourado (Syngonanthus nitens); Sucupira (Pterodon emarginatus); Buriti (Mauritia flexuosa); Faveiro ou fava d’anta (Dimorphandra mollis) e Canela-de-ema (Vellozia flavicans).

A data para votação dos demais biomas será divulgada mais adiante.

 


Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA)
(61) 2028-1227/ 1311/ 1437
imprensa@mma.gov.br



Fim do conteúdo da página